Portal UCPPortal UCP
Pagina Inicial
 
CITER - Centro de Investigação em Teologia e Estudos de ReligiãoInício | Voltar | Imprimir

Linhas de Investigação

(I) Teologia, Valores e Dinâmicas Sociais (TVDS)

A linha de investigação Teologia, Valores e Dinâmicas Sociais (TVDS) tem por objetivo geral o estudo do fenómeno religioso e de comunidades religiosas a partir da análise sua autorepresentação teológica, das suas configurações axiológicas e das suas dinâmicas sociais. Procura-se, desta forma, ensaiar uma aproximação ao objeto em estudo que, por um lado, promova investigações interdisciplinares (teologia, estudos da religião, filosofia, ética, sociologia, antropologia, psicologia, etc.) e, por outro lado, ensaie análises críticas entre a lógica com que o religioso se representa a si próprio e a forma como ele se vitalmente se manifesta.
Na persecução deste seu objetivo geral, na linha TVDS incorporaram-se grupos de trabalho que se dedicam ao estudo científico de tópicos circunscritos desta interface entre autorepresentação religiosa e expressão vital crente. Estes grupos são sempre formados por investigadores do CITER (na variedade das suas formas de inscrição) e abertos a colaborações de investigadores externos à unidade (nacionais e/ou internacionais).

No momento presente, na linha TVDS dois grupos de trabalhos levam a cabo dois grupos de trabalho:
(A) Religião, Ecologia e Cidadania (REC)
(B) Cristianismo, Mutações Sociais e Reconfigurações Crentes (CMSRC)

(A) O grupo de investigação Religião, Ecologia e Cidadania funda-se na verificação de que a atual questão ecológica e os seus desafios têm promovido um repensamento do lugar social das comunidades religiosas e uma reorientação no seu discurso. Neste sentido, a temática em estudo emerge como um campo em que se podem analisar determinadas dinâmicas das atuais recomposições do religioso nas sociedades modernas e, ainda, do impacto nestas desse religioso que as constitui. Assume-se, portanto, como orientação fundamental do trabalho a indicação de Danièle Hervieu-Léger, segundo a qual, o religioso em geral (e o espaço cristão em particular) precisa de ser estudado a fim de serem exploradas todas as «afinidades entre religião e ecologia que possam ser ‘pivots' de recomposição das relações entre religião e modernidade». O estudo destas afinidades e desta recomposição, com os seus efeitos benéficos para uma cidadania ecologicamente responsável, constitui o objeto de investigação deste grupo de trabalho.

Com o trabalho deste grupo de investigadores procurar-se-á:

i) Estudar a forma como as fontes, tradições e comunidades religiosas se colocam perante o desenvolvimento de uma ecologia integral e de uma ética do cuidar (segundo a verificação de que «há uma forma religiosa e teológica de defender a causa ecológica») e como, no seu seio, se vão desenvolvendo lógicas, religiosamente inspiradas, de pensar e habitar o mundo;
ii) Examinar de que forma o religioso concorre para o desenvolvimento, nas sociedades modernas, de um referencial social ecológico.

(B) O grupo de investigação Cristianismo, Mutações Sociais e Reconfigurações Crentes pretende examinar como as transformações de ordem social, cultural e religiosa do contexto secular, democrático e pluralista conduziram e conduzem à reconfiguração do que se poderá chamar res christiana. Dedicando-se, particularmente, ao estudo da realidade portuguesa, este trabalho de investigação assume o diálogo interdisciplinar entre a teologia e outros ramos do saber. Na salvaguarda do específico de cada uma dessas disciplinas científicas, procura-se refletir criticamente sobre a relação entre as novidades que emergem no meio das atuais mutações sociais e reconfigurações crentes e as referências que tradicionalmente norteiam o processo de autorepresentação cristã.
A investigação desenvolvida por este grupo oferecerá à comunidade científica um contributo original para uma melhor perceção dos impactos das mutações sociais na evolução contemporânea do cristianismo e, vice-versa, do impacto das reconfigurações deste na sociedade secular onde se inscreve.

Com o trabalho deste grupo de investigadores procurar-se-á:

i) Analisar as interfaces entre as tendências marcantes das nossas sociedades democráticas e pluralistas, por um lado, e as dinâmicas internas ao cristianismo, por outro (mediante o estudo crítico de autores e obras que descrevam e interpretem essas interfaces; mediante uma interpretação teológica dessas interfaces, em registo interdisciplinar);
ii) Identificar as reconfigurações no tecido «religioso cristão» promovidas pelas mutações sociais atuais e estudá-las a partir da interpretação ou discernimento que delas fazem as comunidades religiosas e os sujeitos crentes (mediante o diálogo e reflexão com atores no terreno; mediante a identificação de sinais de transformação no impacto social e cultural do «religioso cristão»).

 



| Voltar |


Topo
Logotipo Acessibilidades

CITER
Universidade Católica Portuguesa
Palma de Cima, 1649 - 023 LISBOA
Tel.: (+351) 217 214 135
Fax: (+351) 217 265 583
E-mail: secretariado.citer@ft.lisboa.ucp.pt

Universidade Católica Portuguesa > Lisboa > Porto > Braga > Viseu
Página Inicial